20/04/2008

Os cravos também se abatem!


(roubado por aí...)



… e há muitas formas de os abater!

Não bastavam as manhãs de sábado (que nalgumas modalidades se estendiam pelas tardes), não pagas, agora até para os feriados se marcam campeonatos! E o problema é que nem é um feriado qualquer, porque existem feriados que pouco nos dizem em termos de comemorações. Mas um feriado é um feriado. É feriado para todos! E existem feriados especiais. E este de que falo é um feriado especial, um feriado em que “ainda” se comemoram, com diversas manifestações uma data muito especial para o povo português. Um feriado em que, em tempos, até os cafés fechavam. Um feriado, em que todos deveriam ter a liberdade de poder usar a sua liberdade para comemorar como quisessem a data que relembra. Um feriado em que o Estado não pode mandar trabalhar funcionários cujos serviços não estão enquadrados na definição de serviços sociais necessários, ou mais especificamente serviços mínimos de apoio social.

No entanto, sem que exista razão para que isso aconteça, porque o calendário nacional não obriga a que seja necessário utilizar esta data, nas escolas da DREL há quem não possa comemorar este feriado como quer. Há professores, alunos e famílias de alunos a quem foi sonegado este feriado.

Falo do 25 de Abril. Falo de Desporto Escolar. Falo da DRELVT. Falo de Campeonatos Regionais de algumas modalidades marcados para o dia 25 de Abril.

ATLETISMO DE PISTA - DRELVT - EAE Setúbal Norte - Pista Municipal da Sobreda - 25 de Abril
TÉNIS - DRELVT - EAE Lezíria - Clube de Ténis de Santarém - 25, 26 e 27 Abril

BASQUETEBOL (JUVENIS) - EAE Lisboa Oriental - agendado para Vila Franca de Xira/Loures - 19 Abril, foi adiado para Mafra - 25 de Abril


http://sitio.dgidc.min-edu.pt/desporto/Documents/campeonatos_regionais/DEscolar_Calendarização_Camp_Regionais_08_Final.pdf

8 comentários:

Arrebenta disse...

Sobre o que está a acontecer no "As Vicentinas de Braganza", agradecia que nos visitassem, e se pronunciassem, caso vos interesse o nosso novo dilema/problema

http://asvicentinasdebraganza.blogspot.com/2008/04/nota-constitucional.html#links

linfoma_a-escrota disse...

este bicho é contagioso, distância!

Kaotica disse...

Talvez os professores destacados possam dizer não. Ou não?
Se não puderem então que compareçam com um cravo vermelho e o tiro sairá pela culatra!

Watchdog disse...

1 abraço de cravo na mão!

Ferroadas disse...

25 de Abril e 1ª de Maio ninguém trabalha, a não ser os serviços indispensáveis como é óbvio.

Viva o 25 de Abril do Povo
Viva a Revolução
Viva o 1ª de Maio

BJS

João Fernandes disse...

Colegas,
gostava de deixar um link para um comunicado de imprensa para o qual peço a vossa colaboração na divulgação:

http://ruby.dcsa.fct.unl.pt/moodle/file.php/212/docs/uk/comunicado_de_imprensa_professoras_portuguesas.pdf

Professoras portuguesas em terras de Sua Majestade
Jovens licenciadas seguem carreira de ensino no sistema educativo inglês

Desde 2006, já quatro jovens licenciadas em Ensino de Ciências da Natureza pela Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade Nova de Lisboa (FCTUNL) se mudaram para Inglaterra, seguindo o sonho de serem professoras de ciências. Uma está actualmente colocada numa escola pública e as restantes estão a preparar-se
para isso.

Inglaterra, 1 de Maio de 2008

Grato pela atenção, subscrevo-me
João Fernandes

Ferroadas disse...

Bom 1º de Maio e esse punho bem erguido.

BJS

Rykardu disse...

pois, pois, sei que vivemos num país dito democrático, mas ainda não percebi muito bem onde é que nos levam alguns caminhos desta "democracia". Cravo na mão, sim senhor sem esquecer que a outra serve para "bater na mesa"...
Numa coisa o Sr josé António Camacho tem toda a razão: "mucho trabajo"... mas noutra sei que não estou errado "muito não significa bom"...