25/08/2005

Redução de 5000 horários para contratados?

Espero que este número nunca se concretize. Já se falou em 10 000 e já se fez as contas para 1000. Por mim, um só já é o suficiente para não estarmos descansados, embora seja mais que tempo de discutir a coisa com mais profundidade - por exemplo, discutir se os estado deve contratar docentes para horários de 5 horas, ganhando um salário miserável ou se devderá contratar docentes para horários SEMPRE completos; ou mesmo a discussão sobre o modelo de concurso que temos - e , já agora, a sociedade que queremos daqui a 20 anos com este péssimo sistema de ensino. Para já, é notícia no DN que "Segundo as estimativas de Carlos Chagas, as medidas de contenção orçamental anunciadas pelo Executivo farão com que o número de professores a ser contratados seja muito menor do que o de 2004, "podendo mesmo descer de dez mil para cinco mil".

3 comentários:

Prof24 disse...

Acrescento que acho piada a números mandados para o ar, sem se dizer quais são os números de referência do ano passado nem os cálculos feitos até lá chegar. Por mim, aposto numa redução de horários inferior a 10%, sendo que a redução será muito mais elevada em determinados grupos do que noutros. Aliás, alguns nem redução de horários terão. Mas isso são outras contas...

Anónimo disse...

Eu também admiro a facilidade com que mandam números para o ar... 1=10000. Para estes senhores, é tudo o mesmo. Se é assim... pagava-lhe o salário de 1 euro e dava-lhe 10000 bofetadas!!!

AnaCristina disse...

Tinha grande esperança neste governo... mas já acordei!
É tudo do mesmo saco!
Há uns tempos disseram-me que a média do Sócrates de final de curso foi 12 valores... Não quero desdenhar de ninguém, mas deve ter sido mesmo isso!! A ministra essa deve ter tido 10... Mas na minha avaliação levaria 7 e já ia beneficiada...
Pelo que li no Educare, todos os contratados acham que os profs de QZP são os culpados de tudo... mas quero deixar claro que eu sou de QZP e estou mais que solidária com os contratados. Também fui durante muitos anos e sei o que custa andar com o coração nas mãos...
Boa sorte a todos!